1 - INTRODUÇÃO

A motivação para o tema desta monografia, IPv6 – O Protocolo da Nova Geração, foi selecionado por ser um assunto de pesquisa inovador, que direciona o desenvolvimento acadêmico, fornecendo os fundamentos necessários à compreensão do funcionamento de redes de computadores baseadas no conjunto de protocolos TCP/IP. Devido a influência que o protocolo de comunicação IP desempenha em relação a Internet em diversos meios de comunicação, é apresentado nesse trabalho estudos referentes à atualização dessa nova tecnologia.

O objetivo deste trabalho de pós-graduação é tratar de alguns aspectos históricos e técnicos da evolução do IP, base da pilha de protocolos TCP/IP, situação atual global para apontar indicativos mediante necessidades de melhorias. Este trabalho deve contribuir como fonte de estudo para aqueles que buscam alternativas mais seguras e estruturadas para conexões diversas, desejando obter garantia de maior desempenho para aplicações que utilizam a Internet como meio de transmissão. Isso é feito focalizando principalmente a metodologia de funcionamento e eficácia deste novo protocolo universal de comunicação, IPv6.

O trabalho também permite a compreensão do comportamento tecnológico perante as novas tendências para o mundo da Internet, em que o protocolo IP tem o papel principal de intermediar toda essa interação entre o homem, a máquina, e a rede Internet. O software livre adotado no trabalho tem como fundamental papel de prover subsídios necessários para apoio na implementação do IPv6. Com isso, foi possível atribuir uma estrutura para base de novas pesquisa em relação ao protocolo de comunicação entre redes TCP/IP junto ao Linux, explorando novos desafios entre endereçamento, roteamento, resolução de nomes, integração entre duas versões diferentes dos protocolos IPv4 e IPv6.

Para apresentação deste trabalho, adotou-se a estrutura apresentada a seguir. Nos capitulos 1 e 2 é exposto a existência do protocolo IPv4 apresentando fudamentação teorica e o protocolo TCP/IP como sua arquitetura, modelo, fucionalidade e endereçamento. O capitulo 3 trata da necessidade de existência do protocolo de nova geração atribuindo um histórico de sua existência e informando o poder de atribuição aos seus serviços agregados. Em continuidade, no capítulo 4, faz-se uma comparação entre os protocolos IPv4 e IPv6, mencionando as caracteristicas do IPv6 entre arquitetura, modelo e funcionalidade. Os capítulos 5, 6 e 7 estão voltados aos serviços de principais necessidades de melhorias no IPv4, tais como qualidade de serviço, mobilidade e segurança. Finalizando com o capítulo 8 é apresentado o software livre (Linux) como base das atriibuições e implementações de endereçamento do IPv6, junção ao IPv4, roteamento IPv6 e resolução de nomes em IPv6. Trata-se de um modelo pratico no qual representa toda fundamentação de pesquisa desenvolvida para realização dessa monografia.
Próximo